Matogrossismo: questionamentos em percursos identitários

O conjunto de conceitos que formaram o imagético do sertão mato-grossense está muito bem palmilhado pela pesquisadora Olga Maria Castrillon-Mendes. O mérito desta obra é estabelecer pontes conceituais entre as imagens do passado e do contemporâneo, ligações pouco percebidas por estudiosos que enxergam a literatura pela lente de microscópios. A autora vai na direção contrária. Parte da visão sistêmica, relacionando obras no tempo e no espaço para compor um quadro que permite ao leitor entender sua trajetória profissional como estudiosa da literatura e a perspectiva utilizada para compor esse quebra-cabeças chamado Mato Grosso.

Olga Maria Castrillon-Mendes é professora e pesquisadora aposentada da Unemat-Cáceres; do Instituto Histórico e Geográfico de Cáceres; e da Academia Mato-grossense de Letras. Publicações: Taunay viajante: construção imagética de Mato Grosso (UFMT/Unemat, 2013); Coletâneas (co-organização): Literatura, política, religiosidades e Literatura, tradição, religiosidades (Unemat/UA-PT, 2014); Discurso de constituição da fronteira de Mato Grosso. (Cáceres: Ed. Unemat, 2017. www.unemat.br/editora). Participa de publicações em livros e periódicos, com enfoque especial na literatura produzida em Mato Grosso e nas questões de identidades. olgmar007@hotmail.com

Autora

Olga Castrillon

Ficha técnica:

Dimensões: 17 x 24

Páginas: 520

Acabamento: Brochura

Peso: 0.841 kg

Ano de publicação: 2020

ISBN: 978-65-991214-3-2

Preço: 60,00 R$

Leia:

© 2020 Editora TantaTinta Ltda.

 Rua Nossa Senhora de Santana, 139 – sala 3 – Edifício Acará
Centro Sul – Cuiabá – Mato Grosso. CEP.: 78020-122
contato@tantatinta.com.br – 
Telefones: (65) 3023-5714 / 5715

Carlini&Caniato Editorial

  • whatsapp-Cinza
  • Facebook - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo
  • YouTube - círculo cinza
Pixé Logo.png

Desenvolvido por © Victor Hugo Machado dos Anjos