© 2020 Editora TantaTinta Ltda.

 Rua Nossa Senhora de Santana, 139 – sala 3 – Edifício Acará
Centro Sul – Cuiabá – Mato Grosso. CEP.: 78020-122
contato@tantatinta.com.br – 
Telefones: (65) 3023-5714 / 5715

Carlini&Caniato Editorial

  • Facebook - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo
  • YouTube - círculo cinza

Desenvolvido por © Victor Hugo Machado dos Anjos

Escatolírica Nokturna

O livro “Escatolírica Nokturna” tem como tema central a morte e a memória, entrelaçadas em um jogo de lembranças e esquecimentos.

“Nome que se dá aos nomes que as coisas não têm”. Assim é concluído “Sombra”, o primeiro poema de “Escatolírica Nokturna”, também primeiro livro escrito por Nyll M. N. Louie, pseudônimo de Vinícius Dallagnol Reis. Por meio dessas sombras, seja das pessoas ou das palavras, o tema da morte e da noite é tecido entre fios de preto e branco e cinza. A memória, aqui, é estranha: se ela é traidora, o que nos resta diante das lembranças, se não lhe apontar as suas nuances? “Escatolírica Nokturna” é, assim, um livro autofágico: chega, por essas vias e veias, cobertas de sangue e poeira, respectivamente, às impossibilidades da linguagem: nesta obra, até esquecer também é uma forma de lembrar…

Nascido em Sinop, em 1992, Vinícius Dallagnol Reis (Nyll M. N. Louie) sempre morou em sua cidade natal. Escreve poemas desde os seus quinze anos, nos quais as principais temáticas são a morte e a memória, entrelaçadas em um jogo de lembranças e esquecimentos. Em 2014, seu poema “Tentação” foi selecionado para a antologia poética da 12° edição do Prêmio CNNP, da série Novos Poetas, realizada pela Vivara Editora Nacional. Outros poemas seus foram selecionados pelo Varal de Poesias da Unemat, campus de Sinop, nas edições correspondentes: 1° lugar no “IX Varal de Poesia: rimas, cantos e encantos” (2013), com “Os eternos peixes de gelo”; 1° lugar no “XI Varal de Poesia: Entre versos e Barros: o cheiro das letras” (2015), com “Ato Falo”; 2° lugar no “XII Varal de Poesia: de versos às artes diversas: vozes femininas em Mato Grosso”, com “Medusa às avessas”. Por último, o poema “Tropicapocalipse”, que se encontra nesta breve antologia, recebeu o 1° lugar na edição de 2017 do “XIII Varal de Poesia: literatura, Tropicalismo, revolução”. Vinícius é também membro da Academia Sinopense de Ciências e Letras (ASCL), na qual ocupa a 13a. cadeira. Escatolírica Nokturna é sua primeira obra publicada.

Autor

Ficha técnica:

Dimensões: 13,8 x 20,8

Páginas: 48

Acabamento: Brochura

Peso: 0.88 kg

Ano de publicação: 2018

ISBN: 978-85-8009-211-0

Preço: 25,00 R$